Publicidade
JUÁ GARDEN SHOPPING - 1a. EXPANSÃO
Publicidade
JUÁ GARDEN SHOPPING - 1a. EXPANSÃO
Vale do São Francisco, 22 de Novembro de 2017
Seja Bem Vindo
Postado em 13/07/2017 às 10:26
Conversa entre chefe e funcionária sobre saúde mental no trabalho viraliza na internet

A programadora Madalyn Parker compartilhou em uma rede social um diálogo entre ela e o CEO da empresa em que trabalha. O que Madalyn dificilmente imaginava é que aquela conversa viralizaria — e abriria um importante debate na rede social.

Tudo começou quando a profissional, que sofre de depressão crônica e ansiedade, mandou um e-mail para sua equipe dizendo que precisaria se ausentar por dois dias. "Oi, pessoal. Eu vou tirar hoje e amanhã para me concentrar na minha saúde mental. Espero voltar na semana que vem renovada e 100%. Obrigada!", dizia a mensagem.

Madalyn trabalha em uma empresa de tecnologia chamada Olark, que cria chats para sites. Copiado na mensagem, o CEO da companhia, Ben Congleton, respondeu a funcionária: "Oi, Madalyn. Eu só queria pessoalmente agradecer a você por enviar mensagens como essas a sua equipe".

Ele continou: "Toda vez que você faz isso, eu me lembro da importância de usar o afastamento médico também para a saúde mental — acredito que essa não seja a prática padrão em todas as empresas. Você é um exemplo para todos nós, e nos ajuda a superar um estigma".

Madalyn compartilhou a conversa no Twitter e a posição do CEO foi bem recebida na internet. Até agora, a mensagem foi curtida mais de 35 mil vezes e retuitada mais de 10 mil. 

Na semana passada, Congleton escreveu uma postagem no Medium discutindo a reação que o tuíte desencadeou. O texto é intitulado: "É 2017 e a saúde mental ainda é um problema no local de trabalho".

"É 2017. Eu não consigo acreditar que ainda é controverso falar sobre saúde mental no local de trabalho quando um em cada seis americanos toma remédio para saúde mental", escreveu. "É 2017. Estamos em uma economia baseada no conhecimento. Nossos trabalhos exigem que executemos tudo com o máximo de desempenho mental. Quando um atleta está ferido, senta-se no banco e se recupera. Vamos nos livrar da ideia de que com o cérebro é diferente." 




Época Negócios (Fotos: Divulgação Internet - Twitter)
Deixe seu comentário
Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do portal Vejalogo ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.
*Nome
*E-mail
*Comentário

Nenhum comentário registrado


Publicidade
JUAGRO - MARCAS DE QUALIDADE - INTERNO NOTÍCIAS
REFEA CENTER 2017
© Copyright 2015 - Veja Logo. Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento ADOIS DIGITAL