Publicidade
SICOOB 730 X 90 - VERDE
Publicidade
RAPPORT HOTEL 310 X 90
Vale do São Francisco, 19 de Setembro de 2017
Seja Bem Vindo
Postado em 26/03/2017 às 20:19
De volta para o futuro. Minha odisseia no espaço profissional

De repente me peguei aqui tentando encontrar o melhor título para este texto que estou escrevendo para reforçar aqui no blog o que já estou fazendo em larga escala nas redes sociais. E num estalo, lembrei-me do título do filme "De volta para o futuro", ai dei aquele grito  de "eureka" , para os mais antigos, ou de "caraca", na linguagem mais moderna. Tinha encontrado o título perfeito, porque tem tudo a ver com o meu momento atual.

Há pouco mais de 3 anos, em função de circunstâncias familiares e pessoais, aportei em Juazeiro. Mudar de Maceió e deixar para trás toda uma trajetória de vida e profissional foi uma das decisões mais difíceis que tomei na minha vida, especialmente porque teria que quebrar vínculos, fechar um ciclo de muitas histórias e conquistas, e começar um outro sem ter a mínima ideia de por onde começar. Os últimos anos de minha vida foram vividos ao lado de familiares, parentes, amigos, clientes, e no conforto de uma boa reputação profissional conquistada ao longo de mais de 30 anos, dos quais, pelo menos a metade, no exercício de consultoria empresarial e pública, viajando o Estado de Alagoas, ministrando palestras, treinamentos e prestando consultoria a órgãos públicos, prefeituras e empresas.

Uma vez em Juazeiro, tive que conviver com o anonimato. Andar pelas ruas e não ver um rosto conhecido e não ser conhecido ou reconhecido por nenhum outro, atormentou-me de forma violenta. Recusava-me a fazer qualquer coisa que não fosse dentro da área na qual desfilei confortavelmente por tanto tempo em minha terra, minha casa, mas tive que aprender a ter paciência, resignação e a entender que o caminho que nos conduz ao nosso objetivo não é uma linha reta, pelo contrário, é uma linha cheia de curvas, abismos, pedras e espinhos mas, que uma vez vencidos, nos farão chegar lá. E assim tem sido. 

Nesse intervalo, passei por escolas públicas na rede municipal em Juazeiro, lidando com crianças, desenvolvendo atividades com as quais nunca tive afinidade, que me desafiaram, quase desisti, mas segui em frente. Foi uma experiência inesquecível e gratificante. Eu percebi que a situação estava mudando porque já era reconhecido por alunos da escola na rua. Mas foi no rádio onde acabei me encontrando, onde, mesmo sem imagem, pude ter a oportunidade de me tornar conhecido, admirado, respeitado, requisitado para eventos corporativos e públicos. Foram dois anos dedicados a consolidação do programa que produzo e apresento (Programa Gestão & Negócios) e, consequentemente, a disseminação do meu nome na região.

E embora hoje, aqui em Juazeiro o meu nome esteja indissociavelmente ligado ao rádio, no qual pretendo continuar atuando, justamente por isso, agora com mais serenidade e abertura, o mundo corporativo abre espaço para o profissional da consultoria, o palestrante, o facilitador de treinamentos, que sempre existiu, e que continuará existindo com essa retomada que faço com muita alegria, satisfação, otimismo e muita fé em Deus.

Voltei para um futuro promissor, recheado de oportunidades, de grandes e excelentes parceiros, resultado de profícuas amizades que construi por aqui. Me aguardem as plateias e auditórios, salas de aula e de treinamentos, instituições públicas e privadas. Voltei para um futuro de grandes vitórias, com fé em Deus.

Este blog também está no "pacote" de ações resgatadas, e aqui neste espaço, a partir de agora, publicarei artigos técnicos, jurídicos, emitirei opiniões sobre temas cotidianos e polêmicas relacionados com minhas funções, sobre questões relacionadas com o poder público (leia-se os três poderes), cidadania, mundo corporativo, empreendorismo e gestão empresarial.

Vou encerrar este texto citando um pensamento, cuja autoria é atribuida a Fernando Pessoa, e que o momento mais crítico dessa tarnsição não programada entre Maceió e Juazeiro, me ajudou a entender que certas mudanças, por mais dolorosas que se revelem, por mais inexplicada que seja, são, na verdade, etapas necessárias ao crescimento, amadurecimento e alcance do objetivo.

"Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos."

 

Já  fiz a minha travessia, cheguei do outro lado, e agora ninguém me segura!

 




Deixe seu comentário
Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do portal Vejalogo ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.
*Nome
*E-mail
*Comentário

Nenhum comentário registrado


Publicidade
REFEA CENTER 2017
JUAGRO
© Copyright 2015 - Veja Logo. Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento ADOIS DIGITAL